18 de abr de 2009

Tudo de volta ao eixo + reflexão sobre o que é Branding

O meu muito obrigado aos muitos leitores deste blog que se manifestaram (por e-mail e via comentários no próprio blog) em função do post sobre minha estadia no hospital Albert Einstein, em São Paulo, acompanhando meu filho acidentado.

A cirurgia foi um sucesso, o Dr. Eduardo Pereira e sua equipe conseguiram "reconstruir" o cotovelo (ossos, tendões, ligamentos, nervo e tudo mais que tinha sido rompido ou tirado do lugar parece ter devidamente reconduzido à forma original) e, depois de mais de 24 horas de dores lancinantes, que nem shots de morfina a cada 3 horas conseguiam debelar, o mancebo melhorou rapidamente, teve alta na quinta-feira à tarde e está bem, embora imobilizado e com a perspectiva de um bom tempo "de molho" e com um pouco de dor (mas nada comparado ao que sofreu logo após a cirurgia).

Como estudioso do Marketing, não posso deixar de comentar que recebi, naquele hospital, uma verdadeira aula de Branding. Observando o cuidado, a simpatia, o profissionalismo de todas as pessoas com quem interagimos, do rapaz da Recepção aos responsáveis pela faxina do quarto, passando por atendentes, enfermeiros (o João Carlos foi nota mil!) e todos os demais integrantes da equipe, não pude deixar de refletir sobre o que é Branding.

Branding não é fazer publicidade, não é ter um logotipo bonito, nem é cuidar bem do visual. É fazer muito bem feito, consistentemente, uma vez depois da outra e da outra e da outra, aquilo que a organização se propõe a fazer. Exatamente como faz o Einstein.