6 de mar de 2009

Vamos parar de falar em Inovação e falar só em Gestão

Tempos atrás, meu amigo, parceiro e guru Clemente Nobrega me disse que eu deveria me sentir inteiramente à vontade para reproduzir aqui, neste blog, os textos dele. Então, aí vai um texto que achei simplesmente imperdível:

Devemos parar de falar em inovação, devemos falar só de gestão (texto de Clemente Nobrega):

'Gestão e Inovação hoje são sinônimos. Deveríamos usar só um dos dois termos. Antigamente, administrar significava supervisionar - tomar conta, garantir que o que era para ser feito estava sendo feito de acordo com certo “molde”. Hoje, ninguém precisa mais de supervisores porque não há mais “certo molde” no sentido em que havia no passado. O molde é mutante.

O termo “inovação” dá a entender coisas novas, mas inovação não é necessariamente sobre “coisas novas”. Inovação é o que se tem de fazer para que a empresa gere “dinheiro novo“. Pode ser até sobre coisas velhas . A DELL, há cerca de um ano, passou a vender seus computadores em lojas de varejo - uma coisa velha, que muitos já faziam, mas não a DELL, que só vendia direto. Essa “coisa velha”, se der dinheiro, será dinheiro novo e, portanto, será uma inovação para a DELL. Há empresas (HP) abrindo lojas próprias - uma coisa velha. O que elas querem? Você sabe…A métrica é sempre dinheiro.

Isso é assim porque em todos os setores há competidores que lançam, toda hora, produtos novos(que dão dinheiro), introduzem toda hora ferramentas, canais de venda, processos e técnicas novas(que dão dinheiro), mudam rápido, a toda hora, para “gerar dinheiro novo”.

Quer dizer, gestão não é mais sobre ADMINISTRAR UM MOLDE, mas sim um processo, cujo objetivo é gerar dinheiro novo continuamente. Esse processo se chama “inovação”'.